Os Connelly de Chicago

.


.

01 - Um trono para compartilhar





http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png


 Ali estava ele, diante de Erin Lawrence: com o torso nu, o cabelo despenteado e mais sexy que qualquer um que ela tivesse visto em toda sua vida. Seria possível que aquele fosse Daniel Connelly, o novo rei de Altaria? Erin soube em seguida que ia ter que trabalhar duro para conseguir que aquele executivo americano obedecesse às normas do protocolo real... Mas também lhe ia custar muito resistir ao seu encanto sensual.
Como filho de uma antiga princesa, tinham educado Daniel para que acreditasse na família e na honra. Mas ninguém o havia preparado para as sessões de vinte e quatro horas com Erin... ou para suportar a paixão que ela despertava nele. Era uma moça inocente e pura, enquanto que ele... Bom, nele não tinha muita inocência e, além disso, logo se converteria em rei. Ambos pensavam que a obrigação estava acima da paixão, mas qual das duas acabaria decidindo seu destino?


Links encontrados na net:

Imagem


Imagem


Imagem


 




04 - Rendição incondicional





http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png


Chance Barnett tinha entrado e saído de territórios hostis sem alterar-se perante as armas do inimigo, de fato não conheceu o medo até que se deparou com os olhos verdes daquela encantadora mãe solteira.
Jennifer Anderson provocava um irreprimível desejo no filho pródigo da família Connelly, e precisava satisfazê-lo a toda custa. Com aquele uniforme branco de marinho sobre sua pele escura e sua incrível atração, era lógico que Chance sempre conseguisse o que queria. Mas, embora o permitisse entrar em sua casa, Jennifer tinha prometido a si mesma não deixá-lo entrar em seu coração; assim talvez esse tempo em que revelou ser o mais difícil que o esperado, resultasse em algo que tanto ansiava: um lar, uma mulher a que amar... e uma família.
Seria soldado e pai.


 
Links encontrados na net:

Imagem


Imagem

 


05 - Uma solução ideal



Maio: Soam de novo os sinos de bodas para os Connelly. Desta vez repicam pela última incorporação da “Família Real”: O doutor Doug Connelly casou em uma cerimônia íntima com a enfermeira Maura Chambers. Felicitamos a noiva por ter laçado o pediatra mais atraente de Chicago desde o Doutor Ross, interpretado por George Clooney.
Muito recentemente o patriarca Grant Connelly se reunia pela primeira vez com os dois filhos ilegítimos de uma antiga relação, os gêmeos Doug e Chance Barnett. Este último, membro da Patrulha Especial da Marinha, ao que parece está de novo em missão secreta.
Mas nem sequer a presença de dois novos e imponentes Connelly pôde impedir o desastre ocorrido na noite passada na Corporação Connelly, quando uma falha no sistema de informática esteve a ponto de apagar toda a informação da gigante empresarial. Um porta-voz da companhia assegurou que não descartam que se trate de uma sabotagem.
Dada sua meteórica ascensão à cúpula dos negócios do país, sem esquecer a beleza de sua esposa, a antiga princesa, parece claro que Grant é o objetivo do monstro da inveja. Mas quem está contra este respeitado ícone de Chicago?




Links encontrados na net:



Imagem



Imagem





07 - Espíritos Rebeldes





http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png


O príncipe Phillip de Silverdorn estava farto de noitadas intermináveis e caça-fortunas...
Até que em um baile em honra ao novo rei de Altaria se fixou em uma misteriosa mulher, embelezada com vestido de estampa e botas militares.
A herdeira Alexandra Connelly* não sabia por que tinha feito o príncipe Phillip acreditar que era uma adestradora de cavalos. Só queria um pouco de diversão para esquecer-se do casamento a que tinha renunciado no último instante... mas então se fixou naqueles olhos marrons e naquele corpo forte e irresistível...

* OBS: Alexandra Connelly também é chamada de Mex e Alex ao longo do livro.


Links encontrados na net:

Imagem


Imagem


Imagem



 



08 - Um Encontro Surpreendente





http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png


O executivo Drew Connelly retornou de sua viagem de negócios cansado, contente em ver sua filha... e noivo. E antes que pudesse dar-se conta sua “noiva” se apresentou em sua casa para casar-se.
Que tipo de mulher sua filha de seis anos e sua avó octogenária teriam encontrado na Internet? Embora fosse verdade que Kristina Simmons parecesse encantadora. A futura noiva só precisava começar de novo, fosse como fosse. O problema era que Drew não estava disposto a se casar... até que cometeu o engano de beijá-la.
Assunto: Quer casar comigo?


Links encontrados na net:

Imagem


Imagem


Imagem



 



10 - Um Ardente Amanhecer





http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png


 Seria possível ter uma segunda oportunidade no amor?
O rico advogado de Chicago, Seth Connelly não parava de dizer a si mesmo que se casou com Lynn McCoy só para evitar que ela perdesse o rancho familiar. Aquele terreno tinha sido sua salvação em outro tempo e Lynn era sua inimiga de infância. Mas aquela jovem impertinente se tornou uma autêntica beleza...
Embora faltassem só alguns dias para ter que abandonar sua casa, Lynn não era nenhuma mocinha que alguém tivesse que resgatar. Do mesmo modo que Seth não era nenhum príncipe azul. Tinha fantasiado muito com o único beijo que compartilharam e tinha desejado que ele a fizesse sua esposa... Agora ele queria casar-se, mas não era por amor. Ou ao menos isso era o que ele dizia...


Links encontrados na net:

Imagem


Imagem


Imagem



 



12 - Vento de Estrelas





http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png

 Vento de estrelas
Eu o desafio a se apaixonar por mim.
A imprensa descrevia Maggie Connelly como jovem, insensata e impulsiva, mas a única coisa que acontecia era que estava apaixonada... Por Lucas Starwind. Entretanto, o duro detetive cherokee preferia esconder seu coração atrás de sua aparente valentia. Não obstante, Maggie conseguiu penetrar em sua vida e lhe prometeu curar seu coração depois que ele se casasse com ela.
Luke não acreditava no amor, mas sim no desejo. Maggie Connelly, a quem quase dobrava em idade, o tinha desafiado a sentir, a desejar, a esperar... Luke resistia porque sabia que se a estreitasse em seus braços, jamais a deixaria partir.


Links encontrados na net:

Imagem


Imagem


Imagem






.

Comentários:

Postar um comentário

 
~*Romances Sobrenaturais*~ © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |