A Rainha Liberdade

A Rainha Liberdade 1- O Império das Trevas




http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png

O autor transporta-nos nesta nova aventura para uma época especialmente conturbada do antigo Egipto, quando este estava sob o jugo Hicso. Apesar deste período de trevas uma princesa egípcia, levantar-se-á em defesa do seu país. O seu nome Ah-hotep (em egípcio Iân-hotep, que significa “a Lua está satisfeita”.) Por intermédio da fascinante história desta verdadeira Joana d’Arc egípcia, Christian Jacq mostra-nos um Egipto fabuloso í beira do desaparecimento, que renascerá das cinzas, arrastado pela coragem e a paixão de uma jovem. Sem a rainha Ah-hotep, o Vale dos Reis não teria existido, o Egipto não teria conhecido o período de esplendor que foi o Império Novo... nem os mais gloriosos dos seus faraós, entre os quais Ramsés, o Grande.


Links encontrados na net:


Imagem


A Rainha Liberdade 2- A Guerra das Coroas




http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png

Os bárbaros Hicsos apoderaram-se de todo o Egipto e impõem-se as suas regras iníquas com inimaginável crueldade. O prepotente Apopis reina! Mas a Rainha Ah-hotep continua a não ceder. Não Longe de Tebas, a única cidade que conservou a sua independência, criou uma base secreta onde são formados soldados destinados a libertar um dia o seu país. E mesmo se, num primeiro assalto contra o inimigo, o seu marido tenha perdido a vida, não desespera e prepara agora o filho mais velho, Kamés, para substituir o pai, tornando-se por sua vez Faraó. À frente de um exército que começa a tomar dimensões importantes, Ah-hotep voa de vitória em vitória, apesar das traições de um punhado de “colaboradores”, infiltrados no seu exército e decididos a tirar proveito do poder reinante. De Sul a Norte, o Egipto reorganiza-se cada vez com mais entusiasmo, no entanto, Apopis julgando o seu poder completamente consolidado, não dá qualquer importância ís vitórias da Rainha Liberdade.


Links encontrados na net:


Imagem



A Rainha Liberdade 3- A Espada Flamejante




http://i687.photobucket.com/albums/vv233/silmaratr/th_Sinopse.png

No norte, os bárbaros Hicsos continuam a reinar com uma rara brutalidade, enquanto a Rainha Ah-hotep reconquistou uma grande parte do Sul, com o terrível preço da vida dos que ama: primeiro o marido, morto em combate; a seguir o filho mais velho, Kamés, misteriosamente envenenado... Ah-hotep recusa uma vez mais ser coroada Faraó e prepara o segundo filho, o jovem Ahmés, para assumir o poder. Mas é graças a ela que os Egípcios estão prontos para a derradeira batalha. Cercam Auaris, a capital hicsa, e nada mais os pode deter. Depois de cem anos de ocupação e de milhares de mortos, o Império vai finalmente renascer das cinzas devido í coragem e determinação de uma mulher


Links encontrados na net:



Imagem

Comentários:

Postar um comentário

 
~*Romances Sobrenaturais*~ © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |